Leite x Musculação

Leite x Musculação

Alguns o defendem como ótimo alimento, enquanto outros observam uma maior dificuldade no processo de definição muscular quando incluem este alimento na dieta.

A hidrólise da lactose ocorre por ação da lactase presente no intestino, sendo convertida em galactose e glicose. A lactose não digerida permanece no intestino onde sofre ação de bactérias fermentativas, ocasionando a formação de ácido lático e outros ácidos, causando diversos sintomas desagradáveis.

Os anticorpos gerados pelo organismo da vaca para a defesa imunológica do bezerro tornam-se antígenos para os seres humanos e podem desencadear distúrbios alérgicos de várias proporções. Os níveis de caseína contidos no leite de vaca também são bem diferentes dos níveis contidos no leite humano, não sendo adequados para o nosso organismo. A caseína é um dos principais componentes alérgicos presentes no leite de vaca.

Apesar dos lacticínios possuírem um baixo índice glicêmico, diversos estudos constataram que este alimento aumenta consideravelmente a liberação de insulina pelo pâncreas.

Analisando-se deste modo, em se tratando de praticantes de atividade física sem ambição competitiva, o uso do leite de vaca deve ser moderado dando preferência a seus derivados, tais como queijos e iogurtes, devido à presença de menores teores de lactose. Já no caso de bodybuilders de alto nível em período pre contest, a restrição deve ser maior.

Fonte: Malhando Certo.

‪#‎allprotein‬ ‪#‎totalmentesaudavel‬ ‪#‎wheyprotein‬ ‪#‎suplementos‬ ‪#‎workout‬ ‪#‎fitness‬ ‪#‎alimentacaosaudavel‬ ‪#‎dicadeexercicio‬ ‪#‎amoproteina‬ ‪#‎proteina‬ ‪#‎bodybuilding‬ ‪#‎exercicio‬ ‪#‎nutricionistas‬ ‪#‎nutricaoesportiva‬ ‪#‎fit‬ ‪#‎personal‬ ‪#‎nutri‬ ‪#‎personaltrainer‬ ‪#‎maisenergia‬ ‪#‎proteinpower‬ ‪#‎dicadeenergia‬ ‪#‎protein‬ ‪#‎qualidadedevida‬ ‪#‎eatclean‬ ‪#‎educacaofisica‬ ‪#‎treinador‬ ‪#‎snacktime‬ ‪#‎dieta‬ ‪#‎cookiedeproteina‬ ‪#‎cookieproteico‬

Comments are closed.