Cuidado com o iogurte grego!

Cuidado com o iogurte grego!

Não sendo reconhecido pela ANVISA como alimento funcional, mas recebendo essa denominação por muitos, esse produto virou uma febre no mercado de alimentos.

O iogurte de fato grego, o qual a dezenas de anos já é comercializado em países do exterior possuem a parte mais nobre do leite, valorizando altas quantidades de proteína, uma consistência firme e um sabor extremamente agradável. Ainda, seu teor de açúcares são reduzidos. Existem versões sem lactose, para os intolerantes, versões orgânicas e de inúmeros sabores no exterior. Porém, ao chegar no Brasil, as indústrias promoveram alterações as quais pudessem tornar o iogurte grego mais bem aceito pelos brasileiros: adicionaram amido modificado, açúcares simples, compotas de frutas, adoçantes e colocaram o preço final ao consumidor muito mais elevado do que o iogurte tradicional.

Você pensa estar consumindo um alimento rico em proteínas e, na verdade, esse pode ser um dos itens que mais carece nele. Hoje estão começando a fazer algumas versões sem açúcar, com baixo ou nenhum teor de gordura. Porém, o preço que se paga nesses produtos realmente compensa? Com o mesmo valor ou valor inferior, conseguimos iogurtes tradicionais nutritivos e benéficos.

Parece tão óbvio analisar a tabela nutricional, porém poucas são as pessoas que acabam fazendo isso com os iogurtes. Então fique atento!

Fonte: Dicas de Musculação.

‪#‎allprotein‬ ‪#‎totalmentesaudavel‬ ‪#‎wheyprotein‬ ‪#‎suplementos‬ ‪#‎workout‬ ‪#‎fitness‬ ‪#‎alimentacaosaudavel‬ ‪#‎dicadeexercicio‬ ‪#‎amoproteina‬ ‪#‎proteina‬ ‪#‎bodybuilding‬ ‪#‎exercicio‬ ‪#‎nutricionistas‬ ‪#‎nutricaoesportiva‬ ‪#‎fit‬ ‪#‎personal‬ ‪#‎nutri‬ ‪#‎personaltrainer‬ ‪#‎maisenergia‬ ‪#‎proteinpower‬ ‪#‎dicadeenergia‬ ‪#‎protein‬ ‪#‎qualidadedevida‬ ‪#‎eatclean‬ ‪#‎educacaofisica‬ ‪#‎treinador‬ ‪#‎snacktime‬ ‪#‎dieta‬ ‪#‎cookiedeproteina‬ ‪#‎cookieproteico‬ #snackproteico

Comments are closed.